O que é ejaculação precoce e como combater

  • por
Homem desanimado na beira da cama

Vamos falar sobre o que é ejaculação precoce e como combater.

Ejaculação precoce é uma disfunção caracterizada pela rápida ejaculação e orgasmo masculino. Estima-se que 1 a cada 3 homens tenham esse problema em algum momento da vida.

A ejaculação precoce pode ser embaraçosa, frustrante e pode prejudicar os relacionamentos.

Quando podemos afirmar que se trata de uma ejaculação precoce?

Nem sempre a rápida ejaculação significa uma disfunção, se ela acontece com pouca frequência não há motivos para preocupação. Você deve se preocupar quando:

  • Ejacula com carícias e sem toque no genital;
  • Ejacula apenas ao toque genital sem penetração;
  • Sempre ou quase sempre ejacula dentro de um minuto de penetração;
  • É incapaz de atrasar a ejaculação;
  • Sente-se angustiado e evita o contato sexual.

A ejaculação precoce pode ser classificada como primária: quando ocorre ao longo da vida desde seus primeiros encontros sexuais. Ou como adquirida: se desenvolve depois de experiências sem problemas ejaculatórios.

Muitos homens podem ter sintomas de ejaculação precoce, mas os sintomas não atendem aos critérios diagnósticos para esta disfunção sexual. Nesses casos, tem o que se chama ejaculação precoce variável natural, que inclui períodos de ejaculação rápida, bem como períodos de ejaculação normal.

O que causa a ejaculação precoce?

A ansiedade já foi considerada a única causa de ejaculação precoce, e ainda é por muitos profissionais. Mas, estudos apontam que ela pode ter também outras causas, como: níveis hormonais anormais, níveis anormais de substâncias químicas cerebrais chamadas neurotransmissores, inflamação e infecção da próstata ou uretra, genética e condições hereditárias, diabetes.

E o que causas a ansiedade?

Fatores psicológicos desencadeiam a ansiedade como: experiências sexuais precoces, relações frustradas, abuso sexual, imagem corporal distorcida, timidez, depressão, medo de engravidar a parceira, medo de não satisfazer a pessoa amada, problemas profissionais, sentimentos de culpa, disfunção erétil (homens que ficam ansiosos em obter ou manter uma ereção durante a relação sexual podem formar um padrão de pressa para ejacular, o que pode ser difícil de mudar), problemas no relacionamento, estresse.

Todos esses podem ser fatores contribuintes para a ejaculação precoce e muitas vezes esses fatores podem ser combinados ou agregados, ou seja, você pode ter um ou mais fatores e adquirir outros como consequência. E claro, podem trazer complicações…

As complicações da ejaculação precoce

Problemas no relacionamento: a frustração e a vergonha podem levar à falta de diáologo. É importante conversar com a pessoa ao nosso lado e deixá-la fazer parte do processo, evitando assim brigas e até mesmo separações.

Estresse: pois é, se ele não for uma causa pode ser uma complicação. O ideal, é não deixar que a vergonha te impeça de procurar ajuda e buscar tratamento assim que os sintomas se tornem frequentes.

Problemas de fertilidade: para alguns casais é difícil que ocorra a fertilização, porque a ejaculação acontece antes de uma penetração.

Tratamentos

Feito o diagnóstico médico, o tratamento da ejaculação precoce pode ser feito através de medicamentos e terapias (95% dos homens são ajudados por psicoterapia e técnicas comportamentais que ajudam a controlar a ejaculação).

Quais medicamentos são indicados ao tratamento?

ATENÇÃO: Não use nada sem o conhecimento e a indicação do seu médico!!!!!

Não existe medicamento para o tratamento de ejaculação precoce, mas alguns médicos podem receitar antidepressivos que podem ajudar, porque aumentam a quantidade de serotonina no cérebro, e com isso,como efeito colateral podem retardar a ejaculação.

Um médico não prescreverá qualquer medicamento antes de fazer um diagnóstico claro de ejaculação precoce. Medicamentos tem efeitos adversos, e os pacientes devem sempre seguir a orientação um médico antes de usar qualquer medicação.

Um desses medicamentos é a dapoxetina , que é usada em muitos países para tratar alguns tipos de ejaculações precoces primárias e secundárias. A dapoxetina é um fármaco da família da fluoxetina, sendo considerado um inibidor seletivo da recaptação da serotonina. No entanto, certos critérios devem ser atendidos. Pode ser usado se: o sexo vaginal dura menos de 2 minutos antes da ejaculação ocorrer, a ejaculação acontece após muito pouco estímulo sexual e antes, durante ou logo após a penetração inicial, há acentuada aflição pessoal ou dificuldade interpessoal por causa da disfunção, não há controle sobre a ejaculação, a maioria das tentativas de relação sexual nos últimos 6 meses envolveu a ejaculação precoce.

Os efeitos colaterais da dapoxetina incluem náusea, diarreia, tontura e dor de cabeça.

Existem tambémalgumas alternativas tópicas podem ser aplicadas ao pênis antes do sexo, com ou sem preservativo. São cremes anestésicos como lidocaína ou prilocaína, que reduzem a estimulação.

O uso prolongado de anestésicos pode resultar em dormência e perda de ereção. A sensação reduzida criada pelos cremes pode não ser aceitável para o homem, e a dormência também pode afetar a mulher.

Como a terapia tântrica pode me ajudar?

A terapia tântrica te ajuda a conhecer melhor o seu corpo como um todo, você tem uma maior consciência corporal com as massagens, aprende respirações que te ajudam a controlar e identificar a ansiedade, identifica padrões de comportamento durante as meditações ativas e também fortalece sua musculatura genital através de práticas tântricas.

Aqui tem algumas práticas e exercícios que você já pode fazer em casa.

Vamos falar de assoalho pélvico. Importante aliado da nossa saúde sexual, ajuda muito no controle da ejaculação. O assoalho pélvico é um conjunto de músculos e ligamentos que fazem a sustentação dos órgãos pélvicos como bexiga, útero, reto, intestino e todo conteúdo que fica na pelve, parte baixa do abdômen. Fortalecer o assoalho pélvico é a nossa meta com os exercícios seguintes, que podem te ajudar não só no controle da ejaculação, mas também a ter uma qualidade maior de ereção e prazer.

Vem comigo.

De pernas cruzadas, inspire fundo e prenda a respiração ao mesmo tempo que contrai o períneo (músculo entre pênis e o ânus). Segure por 10 segundos ou até aguentar o ar. Solte e repita por 10 vezes.

Com os joelhos apoiados no chão e as mãos estendidas, inspire e prenda a respiração enquanto contrai o abdômen formando um leve arco. Como no exercício anterior, segure por 10 segundos ou até aguentar a respiração. Repita 10 vezes.

Sentado com as pernas afastadas, inspire e segure o ar contraindo os quadríceps e movimentando os pés em movimentos circulares. Solte em 10 segundos ou até aguentar. Repita 10 vezes.

Deitado e com os braços estendidos ao longo do corpo, flexione as pernas, apoiando os pés no chão. Inspire e segure o ar enquanto eleva os quadris formando um ângulo de 90 graus nas pernas e faça a contração dos glúteos, deixando somente os ombros e os pés encostados no chão. Segure por 10 segundos ou até aguentar. Repita por 10 vezes.

Deite-se num colchonete no chão, abra as pernas até a largura dos ombros, relaxe as nádegas e o abdômen. Inspire e segure o ar enquanto contrai o esfíncter (músculo anal). Segure por 10 segundos ou até aguentar. Repita por 10 vezes.

Esses exercícios podem ser feitos em dias alternados. Eles fortalecem a musculatura, e te ajudam a controlar a ejaculação. Como qualquer exercício deve ser feito com disciplina e cuidado. Não adianta fazer uma só vez!

Exercícios para fazer durante o sexo, que também podem te ajudar.

Pare e comece: peça ajuda do seu amor. Vocês devem estimular seu pênis até que você sinta que vai ter um orgasmo. Pare a excitação por cerca de 30 segundos ou até que a sensação passe. Comece a estimulação novamente e repita três ou quatro vezes antes de realmente ejacular.

Aperto: Funciona da mesma forma que o método anterior. Mas, quando você sente que está chegando ao orgasmo, você ou seu parceiro apertam a cabeça do seu pênis até perder a ereção. Repita isso algumas vezes antes de ejacular.

E agora alguns truques.

Para alguns homens, desviar o pensamento na hora do sexo ajuda a retardar a ejaculação, pensar em algo desinteressante ou preocupante é válido.

O uso de preservativos também pode diminuir a sensibilidade para certos homens. Experimente vários e veja se algum pode ser seu aliado.

Prestar atenção ao ambiente também pode ajudar, cor das paredes, ambiente quente ou frio, texturas.

E foco na respiração, inspire lentamente puxando todo o ar e solte sentindo o abdômen contrair.

E principalmente, lembre-se de procurar ajuda. Médicos e terapeutas estão ao seu lado nessa luta. Ficou com dúvidas? Me mande uma mensagem e marque sua sessão!